• Um dos Guardiões NatZen

PRESENÇA

Tratar de temas que envolvam o bicho-humano e o mundo, para naturistas dispostos a autoconhecer-se, não é e nem será chover no molhado. Muito menos perda de tempo. Tenhamos Presença - Estejamos Presentes.

Queridos NatZen,


Está semana está intensa, estamos com força total, pois temos duas vivencias de yoga promovidas pelo NatZen (quarta na Casa da Luz e domingo no Ave Venus).


imagem: Stock Images


Haja vista as reflexões trazidas recentemente aqui no grupo, trago aqui alguns pontos importantes sobre o NatZen, que muito de vocês já sabem, e que são:


- A proposta do NatZen, não é somente o Naturismo (apesar de todos amarmos o naturismo) .


- A "filosofia" naturista é somente uma parte (importante, mas não única) do propósito das vivências NatZen.


- O NatZen, diferente de outros grupos naturistas e também nudistas, propõe um contato mais profundo consigo mesmo, uma imersão em práticas que vão além do "despir as roupas apenas como diversão grupal". Trazem práticas que tem um objetivo radical, repito, radical: o autoconhecimento, autodesenvolvimento, consciência e ciência interior. Chame do que for, mas é ir para dentro, centrar-se.


- Estas práticas e vivências não são o detalhe do NatZen e sim seu cerne.


- O simples fato de frequentar o naturismo e apenas tirar a roupa não faz ninguém libertário (seria apenas o jardim da infância de um possível, mas não garantido, LIBERTAR-SE, DESPIR-SE)


- Não adianta ser naturista, praticar o naturismo e continuar, ainda que sem roupa (ou com roupa) "vestidos" com uma visão obtusa da vida, da política, da educação, do perceber o mundo e o outro, carregado de conservadorismo, tradicionalismos, misoginia, alienação e repleto de identificações. Uma coisa está ligada à outra, não há separação.


- Ser naturista pode não significar nada nada nada...ou pior, apenas ser uma válvula de escape para auto enganar-se e continuar com a mesma visão cheias de padrões e distorcida de si e do mundo.

(Por exemplo, por que será que sempre é um esforço homérico agregar mais mulheres para o naturismo? Por quê?) A sociedade nada mais é do que o reflexo de seus indivíduos. A sociedade é um conceito, mas o individuo é real. E o NatZen atua antes de tudo no indivíduo. O grupo ajuda, mas o indivíduo é o foco.


- Este grupo é de Naturismo + Meditação e estas duas frentes estão em pé de igualdade na proposta NatZen. E para que isso? Para que ser um Naturista em Meditação? Para compreender em que maya (ilusão) você vive e perceber se esta o alegra ou entristece e o mesmo com seu entorno. Compreender de fora o que te atravessa e suas relações com essas narrativas e o mundo. Transformar suas ilusões/narrativas saindo da ignorância de si, e ser o criador de sua vida! Tudo é narrativa e o naturismo é só mais uma delas. Muito além de qualquer terapia (que são importantes), a meditação é a chave que ajuda a perceber isso, a visão que Buda chamava de visão 360 graus, a visão búdica.


- Diferente da ideia de alguns, a Meditação não é hobby para se "fazer" nas horas vagas, mas sim, centro de gravidade. Não sei se vocês sabem, mas por trás dos organizadores e orientadores NatZens, existe uma pesquisa e prática intensa, um baita investimento e trabalho interno e de longa data para que estas atividades aconteçam com máxima qualidade. Espero que o salto seja possível. Para alguns naturistas que entraram e participam do NatZen, a ficha já começou a cair, e adianto, é um caminho sem volta.


- Quando aceitei o convite para ajudar a fundar o NatZen, todos estávamos alinhados com este propósito.


Portanto, tratar sobre temas que envolvam o bicho-humano e o mundo, para naturistas dispostos a autoconhecer-se, não é e nem será chover no molhado e muito menos perda de tempo.


E à medida que forem se aprofundando em nossas práticas, incômodos e questões podem vir à tona, como já aconteceu aqui, natural inclusive que ocorra um desmascaramento da visão de mundo. E a troca é essencial, ainda que pelos meios digitais, e a questão de um, pode ser a questão de muitos.


O ambiente de troca é saudável sempre, desde que dentro desta CLAREZA, desta clareira que o naturismo aliado e somado ao yoga/meditação, à arte e ao auto-conhecimento podem proporcionar.


Caso você esteja neste grupo apenas, única e exclusivamente, pelo Naturismo, espero que perceba isso, e se estiver disposto, entre em sintonia.. Aqui é Nat Zen. E a palavra Zen significa PRESENÇA, presença diante do silêncio, mas também presença diante do outro, diante da vida e até diante da lâmina da espada! ⚔️


Bem vindos, mais uma vez!


Para acompanhar nossa agenda, temos:


- perfil no Instagram. @natzen_zen

- grupo fechado no FB e no WhatsApp (participe das nossas atividades e solicite sua adesão à comunidade no Facebook)

- Este site: www.natzen.eco.br


Fique conosco e viva as novidades.


Juliano Caravela

Poeta e Meditante.

Mestre em Semiótica pela PUCSP.

Com variadas formações, ensina, pratica e estuda o Yoga há mais de 17 anos.

Especializou-se em terapia corporal fazendo convergências naturais entre o Yoga, o Ayurveda e a bioenergética.

Autodidata em inúmeras ferramentas meditativas de autoconhecimento ( tradicionais e contemporâneas), nos últimos 7 anos tem trabalhado e pesquisado a fundo os efeitos e resultados das meditações ativas do Osho no "bicho humano".

Em suas aulas, práticas e encontros, atua no que chama de “experiência essencial”, “desencobrimento do olhar” e “autocriar-se”.

NATZEN

Coletivo Social Naturista - São Paulo - SP. BRASIL

© 2018-19 por NatZen. naturismoevida@gmail.com || Maravilhosamente criado com Wix.com